E chegou a hora de dormir...

Todas as noites eu troco as fraldas da duplinha, dou mamadeiras, eles vão andando sozinhos para o quarto, coloco os dois em seus berços, fazemos uma oração de agradecimento pelo dia e fico no quarto até que eles durmam. Normalmente o Miguel pega no sono bem rápido, coisa de 5 a 10 minutos; Rutinha enrola, enrola, e demora pelo o menos 30 minutos para dormir.
Ela quase sempre pede um colinho. Eu a coloco no meu colo sentada na poltrona de amamentação, e mesmo no escuro eu percebo que ela fica me fitando, olhando para mim na mais perfeita paz e serenidade. As vezes ela adormece nos meus braços, outras vezes ela só amolece nos meus braços e acaba dormindo no berço. Sinceridade? É muito bom, mesmo eu estando exausta.

Quase todas as noites o Miguel pede minha mão, então eu sento no chão do quarto, seguro na mãozinha dele e ele adormece. Eu pedia o mesmo para a minha mãe e ela dava a sua mão para eu dormir!
Hoje ele segurou a minha mão com as duas mãos dele, fez carinho e beijou, beijou, beijou e beijou. Ganhei o dia, ganhei a noite.
É uma coisa meio Credicard: "Ganhar beijos do seu filho de 2 anos na sua mão.. não tem preço."
Aí vem os especialistas falar que as crianças tem que dormir sozinhas? Ok, seria perfeito, mas eu perderia esses momentos únicos e especiais que estarão para sempre no meu coração.

5 comentários:

Cynthia Barreto disse...

Ro, esses momentos são preciosos. A minha filha tem 10 anos e até hoje eu deito com ela pra dormir e na maioria das vezes acabo dormindo com ela de mãos dadas e só acordo de madrugada pra ir pra minha cama... Se cansa? SIM! Mas eu amoooo!!!

Beijos!

Uma Mae das Arabias!!! disse...

Oooooooo amiga....kkkkkk.....até eu fiquei sem ar ao ler o post!!!....kkkkk

Saudades de vcs!!

Qdo puder, me ligue...de manha estou tranquila.

Beijos e fiquem com Deus

Barbrinha

Pâmela disse...

Concordo Ro! Tem momentos que não tem preço... Lara aperta, beija, amassa, segura meu rosto, faz todo tipo de carinho e aí vira para o lado e dorme! AI, muito bom! Bjos

Mônica disse...

Ro, lá em casa eles dormem sozinhos. Os dois vão pro berço andando, eu coloco cada um na sua cama com um beijinho, rezamos e saio do quarto. Mas as vezes eles me pedem pra deitar no chão e dar as mãos pra eles, e eu fico lá, morrendo de amor!!
Muito bom isso né..
Bjs

Cris :-) disse...

Que bom que encontrei alguém que comete o mesmo "erro" (como dizem os especialistas). Eu também fico com a minha dupla até que durmam e por mais que eu esteja abrindo mão de fazer outras coisas, a hora de dormir acaba sendo um momento nosso de muito carinho. Eu adoro, e sinto que eles também.
bjs

Postar um comentário